Notícias‎ > ‎

The Document Foundation anuncia o LibreOffice 3.5

postado em 14 de fev de 2012 05:13 por - Imprensa   [ 14 de fev de 2012 05:15 atualizado‎(s)‎ ]
Berlim, 14 de Fevereiro de 2012 – A Document Foundation anuncia o LibreOffice 3.5, o terceiro lançamento da “melhor suíte office livre”, que mostra aos usuários as melhorias decorrentes da estratégia de desenvolvimento adotada a partir de setembro de 2010. O LibreOffice é o fruto de um esforço combinado de hackers de tempo integral – o maior grupo de de desenvolvedores com experiência no código do OpenOffice.org – e hackers voluntários, coordenados pelo Comitê Diretor de Engenharia.

Durante esses 18 meses, uma média mensal de 80 desenvolvedores produziu um total geral de trinta mil inserções no código, introduzindo novos e interessantes recursos:

Writer 
 - Melhorias nos recursos de tipografia, para documentos com aspecto profissional.
 - Contador de palavras interativo, com atualização em tempo real
 - Uma nova interface de usuário para cabeçalhos, rodapés e quebras de páginas.

Impress / Draw
 - Melhorias significativas para importação de formas personalizadas e Smart Art dentro de arquivos PPT/PPTX
 - Recurso para incorporar paletas e multimídia em documentos ODF
 - Botão para alternar a console do apresentador
 - Novas terminações de linhas para diagramas - Filtro de importação do Microsoft Visio

Calc 
 - Suporte até 10.000 planilhas
 - Nova área de entrada de dados com várias linhas
 - Novas funções do Calc, em conformidade com as especificações ODF OpenFormula
 - Melhoria de performance na importação de arquivos de outras suítes office.
 - Autofiltros com múltiplas seleções
 - Número de regras de formatação condicional ilimitado
 - Novo driver nativo integrado para banco de dados PostgreSQL

Além disso, pela primeira vez na história do LibreOffice, ativaremos o verificador de atualizações, que avisará os usuários quando uma nova versão da suíte estiver disponível para baixar.

"Herdamos um código com 15 anos de idade onde novos recursos foram ignorados e bugs mantidos sem solução para não criar novos problemas, e isso – com o tempo – foi a origem de um grande passivo técnico”, afirma Caolán McNamara, desenvolvedor sênior da RedHat, que também é fundador e diretor da TDF. “Tínhamos duas opções: uma estratégia conservadora, que agradaria imediatamente a todos os usuários, mantendo o código basicamente intocado, e um caminho mais agressivo de renovação do código e de desenvolvimento de novos recursos, que criou alguns problemas de estabilidade no curto prazo, mas que nos levou rapidamente a uma suíte office livre completamente nova e substancialmente melhorada: o LibreOffice 3.5, a melhor suíte office livre jamais feita."

“Em dezesseis meses, alcançamos resultados incríveis" - comenta Michael Meeks, desenvolvedor da SUSE, que também é fundador e diretor da TDF - "com quase trezentos novos desenvolvedores no projeto, atraídos pela licença copyleft, a ausência de atribuição de copyright e um ambiente acolhedor. Além dos recursos mais visíveis, eles traduziram dezenas de milhares de comentários do alemão para o inglês, e removeram milhares de linhas de código obsoletas ou sem utilização - até mesmo bibliotecas inteiras - e aumentaram muito o leque de testes automáticos. Apesar de termos ainda um longo caminho pela frente, os usuários – que às vezes reclamavam da estabilidade do software por não conhecerem nosso passivo técnico com o qual trabalhavamos – podem agora se beneficiar de um LibreOffice 3.5 mais limpo e enxuto e com mais recursos”.

O LibreOffice 3.5 é o primeiro lançamento onde contribuições de comunidades locais e associações tais com a ALTA no Brasil, foram reconhecidas. Além do mais, a TDF buscou reconhecer esses voluntários – onde pudemos facilmente identificá-los – que colocaram tanto esforço no lançamento da versão 3.5, com um agradecimento especial. A TDF deseja estimular o desenvolvimento de um ecossistema global, aberto e diversificado onde as companhias, associações, comunidades e voluntários compartilhem de um objetivo comum de desenvolver a melhor suíte office livre jamais feita.

A Document Foundation convida os usuários avançados a instalar já o LibreOffice 3.5, e os mais conservadores a permanecerem por enquanto com o ramo LibreOffice 3.4. Usuários corporativos e os mais conservadores devem preferencialmente instalar o LibreOffice amparados por empresas de suporte profissional, capazes de prestar assistência para com a migração, treinamento de usuários, suporte e manutenção. A Document Foundation fornecerá em breve uma lista das organizações provedoras de serviços profissionais.

As novidades e melhorias no código estão descritas na página http://tinyurl.com/77rbra3
Comments